Bom, hoje o dia foi calmo, mas animado. Eu acordei e não tava afim de fazer absolutamente nada. Mas ai eu fui na casa da minha tia almoçar, acabou que eu sai com a Rebeca. A gente foi ver "Nunca é tarde para amar". É bem legal, divertido. Ri a beça. É bom sair as vezes pra esparecer. Caique ontem me falou preu correr atrás do meu sonho, e que não é futilidade coisa nenhuma. Ainda acho que é futilidade, mas bem, obrigada pela dica Caicão. Então, ontem eu fui dormir e fiquei olhando pro teto um tempo, pensando. Pensando que é chato não gostar de ninguém. Gostar que eu digo, apaixonada. É entediante. Ontem por exemplo, eu fiquei o dia inteiro jogando Game Boy. Isso não é programa. Quando eu namorava com o Victor era diferente. Eu entrava no msn e ficava contando os minutos pra ele entrar, pra gente conversar, pra ouvir que ele me amava. Pra ter a segurança que ele estaria ali se eu precisasse de um ombro amigo. Não desmerecendo os amigos dessa vida, claro. Os amigos são muito importantes, é só que um namorado as vezes dá uma segurança a mais. Você sabe que ele gosta de você as vezes mais que seus amigos. Isso é otimo. Ouvir que você é a pessoa mais linda do mundo, seja por dentro, seja por fora. É muito bom. Eu acho que eu tenho me sentido um patinho feio esses dias. Aliás, um patinho horroroso. Tudo que eu tenho falado é de como as pessoas não me acham bonita, e etc. Isso não é realmente importante, se eu me achar bonita. Mas eu não me acho bonita, então tudo fica mais dificil. Também pensei ontem a noite, por causa da minha conversa com o Caique, que tem tanta gente que não tem nada na cabeça, é tão, vazio. Todo mundo pra mim é tão indiferente com o que tá acontecendo a sua volta, não dão importancia pra absolutamente nada a não ser eles mesmos. Um monte de gente fazendo fofoca sobre a vida dos outros. Claro, óbvio, que todo mundo faz fofoca. Quem nunca fez fofoca ou é um santo, ou é mudo. Aliás, só pode ser santo, porque mudo conversa por gestos ou escreve. É tão absurdamente legal, falar dos outros, né? Não. É horrível. Eu tenho tentado parar, porque é realmente imbecil. Tem muita gente nesse mundo precisando observar mais as coisas, aproveitar mais as coisas boas da vida. Não ligar tanto pra aparência, e ligar mais pros outros. É, num mundo perfeito as coisas seriam bem chatas, mas pelo menos seriam melhores.

 

Beijos, B.



Postado por: baarbara. às 20h59
| envie esta mensagem [link]



Hoje eu tava pensando, que é muito injusto o que meu pai fez comigo. A história é a seguinte: (depois de ler isso eu vou me achar a pessoa mais fútil do mundo) meu sonho é fazer uma festa de 15 anos. Meu pai me prometeu que ia fazer, só que de uma hora pra outra ele disse que não vai fazer. Já posso me achar extremamente fútil? É o meu sonho, não é futilidade. É sim, ok. Mas, se meu sonho é uma futilidade não tenho culpa. Sabe que as vezes, quando eu tô na aula, eu fico viajando nas pessoas, e percebo que talvez eu nem seja a mais fútil delas. Como tem gente fútil nesse mundo. É impressionante. Gente que só se importa com a aparência e com o que os outros vão pensar delas se elas fizerem isso ou aquilo. Eu não me importo com o que falem de mim. Não é aquela história de que falem bem ou falem mal, o importante é que falem de mim. Não é isso. Não me importo, desde que seja na minha cara. Odeio mentiras, falsidade e coisas do gênero. Nunca odiei ninguém por causa disso, eu acho. No máximo eu tenho uma aversão à pessoa, mas odiar eu sou realmente incapaz. Agora eu fico pensando que tem tanta gente morrendo de fome, e eu aqui nervosa porque meu pai não quer fazer uma festa de 15 anos pra mim. É egoísmo certo? É. As vezes eu acho que eu tenho que parar de pensar só em mim, ou as vezes só nos outros. Ninguém realmente se importa com o que o próximo está sentindo. Ninguém nunca pára pra pensar que se falar alguma coisa pode magoar aquela pessoa. Quantas vezes isso já não aconteceu comigo? Os pais são um exmplo bom disso. Mas pais servem pra isso. Pra dizer na nossa cara no que devemos melhorar. Eu digo, pessoas que não tem absolutamente nada a ver com a sua vida, falarem pra você que você não é bonita demais, ou extrovertida demais, as vezes magoa. Na maioria das vezes magoa. Só que eu aprendi a não ligar pra isso. Mas as vezes ainda dói, quando alguém fala que eu não sou bonita o suficiente pros padrões convencionais da beleza. Eu sei que eu não sou linda, um exemplo de beleza. Mas eu não acho que eu seja tão feia... Ou talvez seja, não sei. O que eu acho é que cada um devia cuidar da sua vida, ao invés de sair criticando os outros por aí. Cada um com seus problemas, certo? Bom, como eu vim parar nesse assunto eu não sei. Mas, voltando as minhas futilidades, eu realmente queria fazer minha festa de 15 anos. Mas, se eu não puder fazer, tudo bem. Sonhos vem e vão, não é porque não realizei um que eu vou morrer, ou coisa parecida. É legal pensar assim, pelo menos de vez em quando.

 

Beijos, B.



Postado por: baarbara. às 23h49
| envie esta mensagem [link]



.:: Humor ::.


.:: Outros ::.


.:: Histórico ::.

29/11/2009 a 05/12/2009
18/10/2009 a 24/10/2009
09/08/2009 a 15/08/2009
14/06/2009 a 20/06/2009
03/05/2009 a 09/05/2009
26/04/2009 a 02/05/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
11/01/2009 a 17/01/2009
14/12/2008 a 20/12/2008
15/06/2008 a 21/06/2008
13/04/2008 a 19/04/2008
25/11/2007 a 01/12/2007
14/10/2007 a 20/10/2007
07/10/2007 a 13/10/2007
30/09/2007 a 06/10/2007
23/09/2007 a 29/09/2007
16/09/2007 a 22/09/2007
22/07/2007 a 28/07/2007
01/07/2007 a 07/07/2007
10/06/2007 a 16/06/2007
03/06/2007 a 09/06/2007
27/05/2007 a 02/06/2007
20/05/2007 a 26/05/2007
29/04/2007 a 05/05/2007
22/04/2007 a 28/04/2007
15/04/2007 a 21/04/2007
01/04/2007 a 07/04/2007
18/03/2007 a 24/03/2007
11/03/2007 a 17/03/2007
11/02/2007 a 17/02/2007
04/02/2007 a 10/02/2007

.:: Links ::.

meu fotolog.

.:: Votação ::.

Dê uma nota para meu blog

.:: Indicação ::.

Clique aqui para me indicar

visitas
XML/RSS Feed
Leia este blog no seu celular

.:: Créditos ::.

.:: Layout: Thomoeda ::.



Todos os direitos
reservados ©
___________